Educação
Avalie este item
(0 votos)
Doações da comunidade viabiliza festa de formatura dos alunos do 2°período da “Tia Valeriana” da Escola Municipal Criança Feliz em Itamarandiba

Aconteceu na noite de sexta-feira, 07 de dezembro, a formatura dos alunos do 2° Período da Tia Valeriana, da Escola Municipal Criança Feliz, o evento ocorreu no salão de festa do Sindicato, no bairro Bom Jesus.

A festa só foi possível devido as doações por parte da comunidade, sendo feita por empresários, vereadores, amigos e diversas pessoas da sociedade, que contribuíram para que a festa ficasse na memória do pequenos estudantes.

“Anos se passaram até que este dia tão esperado acontecesse. Durante todo este tempo todos os dias os pais e familiares acordavam, se organizavam para levarem os seus filhos para a escola. A escola se tornou para os nossos pequeninos um lugar cheio de magia, alegrias e muito aprendizado, eles aprenderam a conhecer as letras e a

decifrá-las, dividir os seus brinquedos e muitas vezes suas tristezas e frustrações.
Hoje esse dia chegou, onde poderemos comemorar  com muita alegria nossa formatura.

Ninguém triunfa sem ajuda e o melhor de cada vitória é poder dividi-la com quem é importante para nós. Por isso, neste dia tão marcante, queremos compartilhar nossa alegria e agradecer a todos que de diferentes formas contribuíram para que esta festa de formatura fosse possível. Cada um de vocês que nos ajudaram com tanto carinho, nosso muito obrigado. Levaremos cada um no nosso coração e seremos eternamente gratos. Que Deus em sua infinita misericórdia abençoe a todos.” Pais, Professores e alunos.

Avalie este item
(0 votos)

Aconteceu no dia 30 de novembro, na Câmara Municipal de Itamarandiba, a III Formatura dos Alunos do CESEC que concluíram o Ensino Médio. Foi uma noite de grande satisfação, em que os formandos comemoraram a conclusão do Ensino Médio, assim como o resgate da autoestima e a melhoria da qualidade de vida proporcionada pela educação.

O Centro Estadual de Educação Continuada (CESEC de Itamarandiba) é uma escola pública de Educação de Jovens e Adultos (EJA), na modalidade semipresencial, destinada a todas as pessoas, que por diversas razões ainda não concluíram o Ensino Fundamental ou o Ensino Médio.

Como o CESEC é uma escola da rede estadual de ensino com valor nacional, todos os alunos que estudam e concluem os seus estudos nesta instituição têm os mesmos direitos de qualquer outro aluno que estuda em uma escola regular. Um grande diferencial do CESEC é a flexibilidade de horários para o aluno, uma vez que ele tem a oportunidade de estudar no dia e no horário que quiser, com atendimento individual e de qualidade.

O diretor convida os cidadãos itamarandibanos da cidade e também da zona rural, bem como aqueles das cidades vizinhas que desejam retomar os estudos, para conhecerem e estudarem no CESEC, que além de proporcionar material e transporte escolar gratuitos, também oferta educação de qualidade, bem como curso básico de informática e oficinas de empreendedorismo, sendo todos de forma gratuita para os estudantes matriculados. Ele ainda destaca que no CESEC os alunos também podem fazer o aproveitamento das notas do ENEM , ENCCEJA ou outros exames para a conclusão dos estudos.  

Avalie este item
(0 votos)

A Professora/Mestra Nárllen Advíncula criadora do projeto “Jovens Escritores” pela quarta vez, apresentou mais um evento de lançamento do seu livro, edição de número 04, intitulado “ As Não Crônicas de Apolo “

O evento aconteceu na noite desta quinta-feira, 29, na Câmara Municipal de Itamarandiba, e contou com a presença de professores, empresários, pais, alunos e claro, os jovens escritores do Colégio João Paulo II.

A professora contou como foi as difíceis etapas para chegar até o grande dia do lançamento de mais uma edição e fez agradecimentos a todos que contribuíram pela realização de mais uma edição.  

Nárllen Advíncula, Professora/Mestra em Letras pela Universidade Federal de Ouro Preto (UFOP), já realizou a publicação do livro “As não-crônicas de Jhonny Bala” no ano de 2015, "As não-crônicas de Zé Coité" em 2016, “As não-Crônicas de Safira” em 2017 e agora em 2018 “As não-crônicas de Apolo “, além de promover em 2016 o I Seminário do projeto "Tire Seu Texto da Gaveta". O passar do tempo, mostra que a professora Nárllen, não atua somente na sala de aula, mas continua inovando e buscando algo a mais para seus alunos, na busca do conhecimento.

 

Avalie este item
(0 votos)
Com a realização “Semana Nacional Educação para a vida” na E.E. SÃO JOÃO BATISTA, foram 1.500 kg de alimentos arrecadados que serão doados a famílias carentes de Itamarandiba

A Escola Estadual São João Batista, em atendimento à lei Federal 11.988/2009, realizou, na semana passada, no período de 19 a 24 de novembro de 2018, a SEMANA NACIONAL DE EDUCAÇÃO PARA A VIDA. Esta contou com uma programação bastante diversificada que contemplou as especificidades regionais e culturais da comunidade escolar e, ao mesmo tempo, procurou promover ações com o objetivo de construir um maior diálogo e integração com a comunidade local, tendo como base a Educação em Direitos Humanos.

 Nesse sentido, aconteceram palestras, oficinas, rodas de conversa, visitas a Organizações não Governamentais e Filantrópicas, Programas de rádio, atividades culturais, apresentações artísticas, esportivas, Cuidados e dicas de beleza e higiene pessoal, caminhadas, Corrida, Gincana cultural; enfim, inúmeras atividades que, planejadas em conjunto entre Equipe Pedagógica, Gestora, Professores do Ensino Fundamental, Médio e dos Cursos Técnicos, superaram as expectativas e fizeram da semana um momento rico de reflexão, participação, integração e solidariedade. O engajamento e envolvimento de todos é algo a ser destacado, mas também não teríamos tido o mesmo sucesso sem a colaboração e ajuda significativa dos nossos parceiros: Profissionais de Salões de Beleza, Comerciantes que patrocinaram a nossa corrida, Secretaria Municipal de Saúde e Transporte, Câmara Municipal, Centro Social Malli Martin, Palestrantes, Academia Bem Estar, Rádio Lider Millenium, Paróquia São João Batista e, principalmente, as famílias dos nossos alunos que se empenharam na campanha de doação de alimentos feita durante a semana. Ao todo, arrecadamos mais de 1500 kg de alimentos que serão doados às famílias carentes de nossos alunos, um verdadeiro show de solidariedade e fraternidade

 A Semana deixa para nós a certeza de que a escola deve ir além da formação curricular e sempre oportunizar ações que difundam e estimulem práticas coletivas, tendo em vista o bem comum e promovendo a reflexão em torno de valores essenciais à vida em sociedade e ao exercício da cidadania.

Avalie este item
(0 votos)

A Escola Municipal Gente Pequena realizou nesta sexta-feira, dia 23/11/18, a II Feira de Ciências, Cultura e Educação Ambiental. Esta teve como objetivo socializar os conhecimentos, as descobertas e vivências coletivasdos alunos, da Educação Infantil ao 5º ano do Ensino Fundamental, com a comunidade escolar. 

Em integração com os temas transversais abordou-se ainda as temáticas: Pluralidade Cultural, Meio Ambiente, Saúde, Trabalho e Cidadania.

Para a realização da feira foi fundamental a parceria do Instituto Estadual de Florestas, Setor de Alimentação Escolar, Secretaria Municipal de Saúde e a Clínica Odontológica Alberto Veras Gomes.

O IEF além de proferir palestra sobre a recuperação de matas e florestas, fez doação de mudas às famílias no dia da feira.

Estiveram presentes representantes da Secretaria de Saúde que montaram um mini posto de atendimento e divulgação dos trabalhos desenvolvidos pelo PSF do Fazendinha.

O Setor de Alimentação Escolar divulgou imagens sobre alimentos saudáveis regionais e fez a entrega de folders aos visitantes.

O momento também propiciou a apresentação do dentista do PSF da Fazendinha Dr. Antônio Guieiro Pereira Morato aos moradores do bairro e visitantes, e o mesmo proferiu uma palestra muito esclarecedora sobre saúde e higiene bucal.

O professor Zezinho Meira esteve presente e fez uma belíssima homenagem às professoras que já aposentaram e à diretora e vice-diretora escolar.

A feira foi a oportunidade que os alunos tiveram de demonstrar, através da elaboração de maquetes, da criação de brinquedos com sucata, da pesquisa e comparação de utensílios em uso e desuso, da consulta e exposição de comidas típicas, utensílios, vestimenta, dança e músicas de origem africana, a imaginação, a sensibilidade e a criatividade.

E o mais importante a inserção das famílias no contexto escolar. E graças a grande presença e envolvimento dos pais e visitantes, a feira foi um sucesso e acreditamos que atingiu a finalidade de aproximar as famílias e a escola.

“Agradeço a todos os alunos, familiares, professores, secretários, técnicos, serviços gerais, coordenadores, equipe organizadora e parceiros pelo empenho e dedicação para realização do evento”. Mariolisa de Souza – Supervisora pedagógica.

Avalie este item
(0 votos)

Agora ficou fácil estudar para uma prova concorrida, mesmo sem tempo de sair de casa para fazer aulas particulares. Com atendimento em domicílio você pode.

Você que esta precisando de uma forcinha para estudar para concurso publico, podemos te ajudar, atendimento a domicilio, reforços escolares e preparação para concurso com professor Leonardo.

Para maiores informações ligue (38) 9 9974-3941 ou 9 9158-6052

 

{{galo}} {{face}} {{zero}}
HomeEducação