Educação
Avalie este item
(0 votos)
Projeto Meios de Comunicação da escola CESTA tem a visita do Jornal Itamarandiba Hoje

Na tarde desta quinta-feira, 23 de maio, os alunos da professora, tia Lu, teve uma conversa com o representante do Jornal Itamarandiba Hoje/ O Vale Hoje, para falar do Projeto Meios de Comunicação.

O tema, Meios de Comunicação, faz parte do Planejamento da Educação Infantil do Centro de Ensino São Tomás de Aquino - CESTA e está sendo trabalhado neste mês de maio pela turminha do 1º Período.

As crianças aprendem de forma muito mais significativa quando vivenciam experiências práticas e concretas. Diante disso, a professora da turma, da tia Lu, teve a iniciativa de convidar o jornalista Weverson Almeida, responsável pelo jornal “Itamarandiba Hoje” que circula mensalmente na cidade, e que alimenta o Portal de Notícias Itamarandiba Hoje.

Weverson teve uma deliciosa conversa com as crianças do 1º Período, falou de seu trabalho e da importância do jornal como meio de comunicação. Não bastando, sorteou brindes entre as crianças e registrou o momento com uma foto da turma.

O próximo passo do Projeto será a confecção de um jornal pela turma, abordando temas diversos, com textos construídos pelos alunos. O jornal será impresso e divulgado a comunidade local através de alguns exemplares.

As crianças estão super empolgadas com o Projeto e as famílias também!

“Fico muito feliz em poder contribuir um pouquinho com o aprendizado das crianças. Aproveito a oportunidade de agradeço a todos profissionais da escola pela receptividade. Disse Weverson Almeida.

Avalie este item
(0 votos)
Escola Estadual Professor Campos realiza Noite Cultural no distrito de Penha de França

Docentes e discentes da Escola Estadual Professor Campos (EEPC) realizaram, no dia 15 de maio, no tricentenário distrito de Penha de França, a 1ª Noite Cultural que teve por objetivo resgatar as tradições culturais e levar conhecimento à comunidade escolar e população local. 

Idealizado pelos professores do conteúdo “Diversidade no Mundo do Trabalho” e alunos do turno Noturno, o evento contou com participação especial do Grupo de Seresta de Penha de França, representado por Tonha da Penha, músicos Zé de Cecílio, João Batista Frois, João Batista dos Santos, acordeonista Carlos e o repentista senhor Tavinho; todos eles artistas penhenses. Além disso, houve momento emocionante com a presença da Bandeira do Divino representada pelos Senhores Ataíde e Geraldo, ambos moradores da comunidade de Salgadinho. 
 
A diretora da EEPC, Maria Marlene Fonseca, explicou que a 1ª Noite Cultural em Penha de França sugeriu reunir, em um único ambiente, ações que permitem a valorização e o resgate da cultura e das tradições que permeiam o imaginário popular. Fonseca comentou, ainda, ser gratificante presenciar o envolvimento da comunidade escolar em projeto que ela garante ser apenas o embrião para futuros eventos artísticos culturais que serão implantados no ambiente pedagógico da Escola Estadual Professor Campos. “Tivemos uma noite de homenagens e glória; a primeira de muitas que virão anualmente! Tudo foi único e exuberante! Em nome da Escola parabenizo e agradeço a participação e a dedicação de todos os envolvidos neste lindo projeto.”, diz. 
 
Além de moradores locais, alunos e corpo docente da EEPC, a 1ª Noite Cultural contou com a presença de comunidades vizinhas e alunos da Escola Estadual Francisco Gonçalves Vieira, de Pedra Menina, município de Rio Vermelho. 
 
Texto: Ernane Frois
 
 

 

Avalie este item
(0 votos)
Aperam BioEnergia e Fundação Aperam Acesita realizam encontro com Secretarias Municipais de Educação

A Aperam BioEnergia e a Fundação Aperam Acesita realizaram na última quarta-feira (15/05), em Capelinha, um encontro com representantes das Secretarias de Educação dos municípios de Capelinha, Itamarandiba, Turmalina, Minas Novas e Veredinha.

A proposta de Educação Continuada faz parte do Programa de Melhoria da Qualidade do Ensino, que é desenvolvido pela Aperam South América, por meio da Aperam BioEnergia e da Fundação Aperam Acesita.

O objetivo foi apresentar e alinhar o planejamento estratégico das ações que serão desenvolvidas em três módulos.

A secretária municipal de Educação de Minas Novas, Helena Almeida, foi uma das participantes do encontro e frisou sobre a relevância da capacitação para a prática pedagógica. “Um momento de discussão, troca de anseios entre dirigentes educacionais e pedagogos das SMEs. O trabalho em rede desenvolvido pela Aperam junto às secretarias de educação tem sido de grande relevância no âmbito municipal, no sentido de alinhar, capacitar e nortear os nossos trabalhos. A Empresa se destacou, mais uma vez, na capacitação das equipes”, afirmou a secretária.

Planejamento colaborativo                         

O gestor de Responsabilidade Social da Aperam BioEnergia, Raimundo Lima, reforçou sobre a importância da formação continuada. “É o ponto de partida para a melhoria da qualidade do ensino, sobretudo quando desenvolvida de forma planejada e colaborativa em consonância com as diretrizes da rede de ensino. Oportuniza aos profissionais da educação uma análise crítica, inovadora e permanente de sua prática, a partir das necessidades locais”, pontuou.

Currículo Socioemocional

O Formação Continuada está alinhado à implementação da Base Nacional Comum Curricular (BNCC), um documento que regulamenta quais são as aprendizagens essenciais a serem trabalhadas nas escolas brasileiras públicas e particulares em todos os níveis de ensino.

O Currículo Referência de Minas Gerais será efetivamente cobrado a partir de 2020. Este é, portanto, um ano de transição e de adequação para os municípios.

Conforme explica a coordenadora de Projetos da Fundação Aperam, Flávia Souza, a proposta visa, prioritariamente, estudar e apresentar aos municípios a análise do IDEB (que neste ano passa a ser o SAEB – Sistema de Avaliação da Atenção Básica).

O SAEB inclui todas as avaliações externas que compõem o índice de desempenho de cada escola e cidade. “Portanto, o novo SAEB, a BNCC e o Currículo Referência de Minas Gerais nortearão a vida escolar em 2019 como ponto de partida para a efetiva implementação em 2020”, pontuou Flávia Souza.